Vivência em Terras Estrangeiras: A minha Jornada de Evolução!

O que dizer de 2023? Bom, poderia falar infinitas coisas, mas todas se resumem em uma palavra apenas: gratidão. Confira a minha Jornada de Evolução!

Descobertas em Terras Desconhecidas: A minha jornada de Evolução!

E pensar que tudo começou com o Web Summit Rio.

Tentei comprar o ingresso 4 vezes pro Web Summit, considerado o maior evento de Tecnologia e Inovação do mundo.

No entanto, todas vezes que tentei comprar o ingresso já havia esgotado.

Mas como sou brasileira, não desisto nunca.

E eis que postaram o link pra fazer inscrição, como voluntária, no grupo de WhatsApp da Cora.

Não pensei 2 vezes em me inscrever.

Afinal, era um meio de participar do evento e, principalmente, de conhecer os bastidores, o que não teria oportunidade se fosse apenas uma participante ou “attendee”, como diziam os organizadores.

Fui aprovada na seleção e, a partir de então, começou a minha epopeia.

Tive de arranjar hotel aos 45 minutos do segundo tempo, sair de Campinas/SP e ir pro Rio, pegar BRT, metrô, levar de 1h a 2h no trajeto, etc.

E afirmo que todo esforço valeu muito a pena, pois foi uma experiência ímpar.

Já que foram tantas experiências enriquecedoras e inesquecíveis.

Palavras não são capazes de exprimir tudo o que vivenciei nesses dias.

Pois foram dias de descobertas em todos os aspectos (desde encontrar pessoas incríveis, dispostas a trocar, a ajudar até de conhecer pessoalmente pessoas que admiro muito como Luiza Helena Trajano e Alexandre Dreyfus, CEO da Socios.com).

No entanto, a principal descoberta foi interior.

De superação de limites físicos e mentais, de quebra de paradigmas.

De saber que posso, que sou capaz, que posso muito mais do que penso.

Quando fui para o Rio, não tinha ideia de como seria e do que viria pela frente.

E, afirmo com toda certeza, que não era um décimo de tudo que vivenciei naqueles dias.

Mais do que nunca, concordo com o versículo em Romanos 8:28: “E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito”.

Afinal, não conseguir comprar o ingresso foi a melhor coisa que poderia ter ocorrido.

A Minha Jornada Em Busca Da Autorrealização Pessoal E Profissional!

Londres: Uma Viagem Épica Rumo ao Desconhecido!

E nem sonhava que esse era apenas o começo e que uma coisa (ser voluntária no Web Summit) me levaria à outra (fazer intercâmbio em Londres).

Já que, no Web Summit, cheguei à conclusão que precisava melhorar o meu Inglês e, principalmente, que estava pronta para viver essa experiência além-mar que há tempo sonhava.

E os 6 anos de espera se transformaram em 4 meses de pura correria, desde a cotação de preços, escolha da escola, compra da passagem, etc.

Tive medo?

Claro! Mas o medo praticamente cessou quando bati o martelo e comprei o pacote para estudar em Londres.

A partir daí, foi uma verdadeira Odisseia.

Foram apenas algumas semanas que valeram por muitos anos, pois parafraseando Fernando Pessoa “o valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis”.

Tive altos e baixos na Inglaterra?

Muitos!

Tive vitórias e derrotas na terra da Rainha?

Claro!

No entanto, foram as derrotas que mais me fortaleceram, pois me fizeram olhar para dentro, rever conceitos e, principalmente, mudar atitudes.

Não seria a pessoa que sou hoje se não tivesse vivido as experiências que vive ao longo de 2023.

Principalmente, as que vivi em Londres.

Passei todo tipo de perrengue na terra da Rainha.

E cada perrengue me ensinou uma lição.

Lições que não aprenderia numa escola de intercâmbio ou até mesmo no Brasil (minha zona de conforto).

Por essa razão, afirmo que foi fundamental me afastar, olhar de fora e enxergar a vida por uma nova perspectiva.

E foi exatamente isso o que fiz em Londres. Quase sempre a duras penas e algumas com lágrimas de angústia.

E esse novo olhar sobre a vida e sobre mim mesma não têm preço.

Por isso, reafirmo que a palavra que resume 2023 é gratidão.

Sou grata a Deus, aos meus pais e as pessoas que conheci que ao longo do caminho, as quais me ensinaram tantas lições de vida!

Curtiu Vivência em Terras Estrangeiras: A minha Jornada de Evolução!? Compartilhe!

Antes de imprimir, pense. O meio ambiente agradece.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 + 15 =